Notícias

Combate a ervas daninhas

Lavoura de milho: combate a ervas daninhas

  • 12 de Dec

Grande parte das lavouras do país estão em estado emergente, fase ideal para aplicação de herbicidas e para combater a infestação de espécies daninhas. O objetivo é garantir a produtividade da cultura, evitando fatores que podem ser prejudiciais no futuro.

Separamos algumas dicas de manejo para combate às ervas daninhas. Confira!

 

Cuidados pré-emergência

As plantas daninhas interferem no desenvolvimento das plantas de milho, podendo causar perdas acentuadas na produtividade se o controle não for adequado e realizado ainda em fase inicial.

Uma das técnicas utilizadas no controle deste problema é a rotação de culturas. Essa técnica, com alternância do cultivo de diferentes espécies vegetais, diminui a instalação das plantas daninhas vinculadas a determinadas culturas, no caso, ao milho.  

Mas, entre os agricultores, o método mais utilizado no combate é o químico. Esse método consiste na utilização de produtos herbicidas, registrados no Ministério da Agricultura e Abastecimento.

A seleção do herbicida deve ser baseada na espécie cultivada e nas condições da lavoura. O agricultor deve estar atento às condições climáticas (temperatura e umidade) e as condições do solo, além do intervalo de segurança entre a aplicação e a colheita da cultura.

 

Tipos de herbicida utilizados

Herbicidas do grupo químico das triazinas (ametryne, atrazine, cyanazine): usados no controle de espécies daninhas dicotiledôneas. Podem ser usados em associação à outros produtos, para garantir maior eficiência.

– Herbicidas do grupo químico das amidas (acetochlor, dimathenamid): controlam o crescimento de espécies monocotiledôneas e dicotiledôneas. São absorvidos durante o processo germinativo das sementes das plantas daninhas, sendo considerados bastante eficientes.

Gostou do artigo? Deixe seus comentários abaixo.

Dúvidas e sugestões são bem-vindas!

 

Fontes:

http://panorama.cnpms.embrapa.br/copy_of_plantas-daninhas

https://canalrural.uol.com.br/programas/informacao/rural-noticias/milho-confira-quais-cuidados-tomar-com-a-lavoura-no-estado-emergente/

 

Ver todas Notícias

Recomendo

Entenda as ...

O lastro, no vocabulário financeiro, é um ativo secundário que serve como garantia para um ativo principal. Seu objetivo é gerar mais segurança entre transações, garantindo que as partes envolvidas estejam resguardadas na realização da operação. Em operações imobiliárias como, por exemplo, os

Aumento na procura ...

A pesquisa diária do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da USP (Cepea) indicou uma alta nos preços médios da soja durante o mês de março. Segundo o apurado, o preço de grão atingiu R$ 78,96/saca, elevando o ganho mensal de 0,59% para 2,07%. De acordo com o analista de mercado, Luiz