Notícias

Manejo Integrado no Controle de Nematoides!

  • 02 de Jan

O uso de um conjunto de técnicas de controle de pragas e doenças, incluindo produtos químicos, agentes biológicos e manejo de cultura, é chamado de manejo integrado.

Quando aplicada corretamente, essa técnica se torna uma alternativa eficaz para proteger as culturas, inclusive contra uma das fitossanidades mais importantes nos cultivos: os nematoides.

Independente do gênero, o desenvolvimento do nematoide na planta afeta o funcionamento das raízes, prejudicando a absorção de água e nutriente e causando uma redução no desenvolvimento da planta. Eles também podem ser os causadores de outras doenças radiculares, já que os ferimentos promovidos nas raízes facilitam a infecção por fungos e bactérias do solo.

Reunimos algumas dicas para um manejo integrado eficiente contra este parasita. Confira!

 

  1. Uso de variedades resistentes

Uma das estratégias para combater os nematoides em uma cultura é o uso de cultivares resistentes. Com um levantamento prévio da área, é possível identificar quais espécies apresentam resistência aos parasitas.

No Brasil, programas de melhoramento genético estão buscando variedades específicas para ampliar as opções dos produtores.

 

  1. Amostragem

Essa é a principal etapa do manejo, pois a partir dela é possível saber quais espécies estão presentes em determinada área e qual é a sua população.

O ideal é que a amostragem seja feita com acompanhamento de um agrônomo, pois só com uma amostra de qualidade será possível representar a real situação.

A época mais adequada para amostrar uma área e diagnosticar os problemas é no período chuvoso, porque é quando as populações de nematoides estão atuando em seu ápice.

 

  1. Nematicidas

Os nematicidas são produtos que mantém as populações de parasitas mais baixas nas raízes das plantas tratadas.  Seu uso tem apresentado resultados bastante satisfatórios.

  1. Rotação de culturas

A rotação de culturas é um dos métodos mais indicados no manejo de nematoides. Para evitar que a populações de parasitas de determinada cultura aumente, o ideal é aplicar a rotação. A técnica não evitar a multiplicação dos nematoides, mas favorece a redução da população do patógeno.

O ideal é estabelecer um cronograma.

 

Gostou do artigo? Compartilhe para que outras pessoas tenham acesso a essas informações.

 

Fontes:

https://www.portalsyngenta.com.br/noticias-do-campo/veja-cinco-dicas-que-nao-podem-faltar-para-o-controle-do-nematoide-do-cisto

https://www.grupocultivar.com.br/noticias/cinco-orientacoes-para-o-manejo-integrado-de-nematoides

Ver todas Notícias

Recomendo

Produtores do Oeste ...

A partir de um projeto piloto, aplicado no município de São Desidério, produtores de algodão do Oeste Baiano vão realizar a recuperação e proteção de nascentes. A ação nasceu de uma parceria com a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) e a Associação dos Agricultores e

Produção de ...

O algodão brasileiro enfrenta uma onda de prosperidade. De acordo com dados do Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (IMEA), caso o estado do Mato Grosso consiga levar adiante o projeto de taxar as commodities do agronegócio, o algodão em pluma teria potencial de repassar R$ 156 milhões em