Notícias

Os mitos sobre a calagem

  • 27 de Nov

A calagem é uma prática fundamental para os solos naturalmente ácidos, característica dos solos tropicais. A correção de acidez do solo deve se basear nos resultados das análises de solo, que são feitas em laboratório credenciado, que indicarão o tipo e quantidade de calcário necessário a cada talhão.

Para esclarecer algumas dúvidas que são comuns à muitos produtores rurais acerca da calagem, vamos relacionar abaixo, alguns mitos sobre a calagem que ainda confundem muitos produtores.

Aplicação de calcário e gesso simultaneamente prejudica a correção de acidez do solo.

Isso é um mito! Alguns experimentos que a Embrapa Agropecuária Oeste revelou que é possível realizar a distribuição de gesso a lanço, associado à calagem, sem prejudicar a correção da acidez do solo.

O gesso agrícola é um subproduto da fabricação de ácido fosfórico, utilizado na produção dos fertilizantes fosfatados, constituído por cálcio, enxofre, fósforo e flúor. Ele permite a melhoria da fertilidade do solo (saturação por bases) em profundidade.

Os resultados do experimento conduzido pela Embrapa indicaram que a aplicação conjunta com o gesso, mesmo em dose elevada (até 7 toneladas por hectare), não prejudicou a reatividade do calcário, avaliada em termos de elevação do pH e neutralização do alumínio, independente da textura do solo.

Armazenar calcário a granel no próprio campo pode trazer problemas em relação à qualidade do produto?

Isso também é um mito. O calcário armazenado a granel, no próprio campo, não terá diferença em sua qualidade química, comparativamente ao calcário ensacado, armazenado no galpão. Contudo, segundo os pesquisadores da Embrapa, é importante que o agricultor esteja ciente de que o insumo armazenado a granel pode conter umidade em torno de 10 a 15% e o uso de calcário úmido pode resultar em equívoco grosseiro na correção da acidez do solo.

Qualquer pessoa pode fazer uma aplicação de calcário?

Outro mito! Para a calagem ser bem efetuada e para que o potencial completo de correção da acidez de solo seja atingido, alguns fatores devem ser observados. O processo passa pela necessidade obrigatória de realizar uma correta e qualificada análise de solo, com atenção ao procedimento de coleta de amostras, análise em laboratórios de qualidade, interpretação correta do nível de fertilidade, regulagem adequada do distribuidor de calcário em função do valor de PRNT, da profundidade de incorporação e da umidade do produto, e uniformidade na distribuição, de acordo com a Embrapa.

 

Fonte: Successful Farming

Ver todas Notícias

Recomendo

DICA K – A ...

Os minerais são essenciais para a vida vegetal. Os minerais essenciais são denominados nutrientes e classificados, conforme as quantidades exigidas pelas plantas, em em macronutrientes, que constituem aproximadamente 99,5% da massa seca, e micronutrientes, que constituem perto de 0,5% (EPSTEIN; BLOOM,

COMO CONTROLAR A ...

A doença azul, também conhecida como mosaico das nervuras forma Ribeirão Bonito e por virose atípica é a mais importante enfermidade causada por vírus em algodoeiro. Seu controle no Brasil está alicerçado no uso de cultivares resistentes e no emprego de inseticidas contra o vetor

>>>PALESTRA ONLINE AO VIVO - Como será o clima para a Safra 2017/18 [Clique aqui para se cadastrar] <<<